Benavides e Cavigliasso triunfam na 3ª etapa Baja Inka- Acreaovivo.com - TELEFONE: (68) 3224-8430 A competição faz parte do Campeonato ACP Baja Inka Mitsubishi Motors Paracas 1000 e teve neste domingo a largada da quarta e última etapa, com 135 km total, sendo 93km de especial na dunas de Califórnia, região de Pisco, onde até a bandeirada final pode haver mudanças na classificação geral de definição dos campeões

Benavides e Cavigliasso triunfam na 3ª etapa Baja Inka

Domingo, 17 de Setembro de 2017 às 13:18 - Atualizado em Domingo, 17 de Setembro de 17 às 13:53
COMUNICAR ERRO

A terceira etapa do Baja Inka Mitsubishi Motors Paracas 1000, ocorrida nesse sábado, 16/9, na categoria motos foi vencida pelo argentino Kevin Benavides (Honda), que ganhou pela primeira vez na competição.

Já jovem piloto argentino Nicolás Cavigliasso (quadricíclo) ganhou sua segunda etapa na corrida.

A competição faz parte do Campeonato ACP Baja Inka Mitsubishi Motors Paracas 1000 e teve neste domingo a largada da quarta e última etapa, com 135 km total, sendo 93km de especial na dunas de Califórnia, região de Pisco, onde até a bandeirada final pode haver mudanças na classificação geral de definição dos campeões.

A terceira etapa do Baja Inka teve grande extensão com 386 km, sendo 322 km de especial cronometrada com passagem nas grandes dunas de Paracas e Ica, tendo culminado de maneira satisfatória para os melhores pilotos.

Nas motos, o piloto oficial da Monster Energy Honda Team, Kevin Benavides, triunfou nesta etapa com uma pilotagem sem erros, ganhando com 3h48m57s, superando seu compatriota Franco Caimi (3h50m46s - Yamaha), que se recuperou da má participação na segunda etapa onde quebrou com problemas na embreagem. Já o francês Xavier de Soultrait (3h51m48s - Yamaha) completou em terceiro lugar, confirmando a Yamalube Official Rally Team como uma das grandes favoritas a título geral.

Nos quadricíclos, Nicolás Cavigliasso, de apenas 19 anos e em sua primeira grande competição internacional, voltou a se impor e levou a vitória da categoria com 4h33m44s, superando seu compatriota e xará Nicolás Gagliardi (4h39m56s). O peruano Arturo Arenas terminou em terceiro com 5h30s, mas permanece na disputa pelo título geral da categoria.

Juan Carlos Uribe e seu irmão Javier Uribe, pilotos locais de Ica cravaram 4h58m44s com a condução de seu UTV, demonstrando experiência e conhecimento das dunas de região.

Nos autos, a equipe Renault Duster Dakar Team, com o piloto argentino Emiliano Spataro, deixou para trás os problemas mecânicos dos dias anteriores e demonstraram uma pilotagem excepcional, ganhando na categoria T1.1 com mais de 5 horas de diferença do segundo colocado. Suas chances, entretanto, de levar o título na geral são remotas, dado o acumulado de tempo.

Veja a classificação oficial com resultado da 2ª etapa:

Categoria Motocicletas:

 

Categoria Quadricíclos:

Saiba mais sobre Baja Inka:

Rally Baja Inka inicia com grandes nomes do off-road em Paracas, Peru

Franco Caimi, com Yamaha, vence 1ª etapa de motos do Rally Baja Inka

Van Beveren vence a 2ª etapa do Rally Baja Inka e assume a liderança geral da competição

Acidente com piloto Felipe Rios tira peruano do Baja Inka

---

Texto e fotos: Cassiano Marques de Oliveira. Advogado, empresário e motociclista há alguns bons anos e quilômetros, tendo participado de dois Rallys dos Sertões, organizador de seis Rallys Bolpebra e participa do Baja Inka a convite dos organizadores do evento. 

CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO PARA AMPLIAR.

Tag's: Rally, Baja Inka, Motos, Quadri, UTV, Dakar, Peru, Yamaha, Honda, Gas Gas, KTM

Fonte: Acreaovivo.com | Texto e fotos: Cassiano Marques com informações assessoria

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE